terça-feira, 5 de agosto de 2014

EM CEARÁ-MIRIM/RN: Mestre Tião recebe homenagem da Prefeitura



Patrimônio Vivo do RN foi lembrado por ocasião da festa do Município
 
Os cem anos de vida do Mestre Tião Oleiro, sendo 80 deles, dedicados à Congada, foram destaque durante a festa de 156 anos de Emancipação Política de Ceará-Mirim.
No dia 29 de julho passado, o Patrimônio Vivo do Rio Grande do Norte, recebeu uma estatueta de bronze, que retrata sua figura, das mãos do prefeito do município, Antônio Marcos de Abreu Peixoto, confeccionada pelo artesão cearamirinense Edvonaldo Santiago, filho do saudoso, também artesão Etewaldo Santiago.
A homenagem foi prestada pela Secretaria Municipal de Educação Básica por meio do Projeto Mais Cultura, durante comemoração popular, promovida no Parque da Cidade, e contou com as presenças do prefeito Peixoto, da Secretária Ângela Aquino, do coordenador Jailson Torres, além de secretários, diretores, assessores da administração municipal e de centenas de pessoas que prestigiavam o evento.
“O Mestre é uma das mais significativas expressões da nossa cultura popular, de riqueza histórica imensurável que representa o município, homenageá-lo é mais que lembrá-lo por seu serviço prestado, é preservar a tradição” ressalta o prefeito Peixoto.
Na oportunidade Seu Tião também prestigiou ao público tocando em seu fole de oito baixos, o hino da Padroeira de Ceará-Mirim, Nossa Senhora da Conceição.
Tião nasceu em maio de 1914, herdou do pai o Mestre João José da Rocha, o gosto pelos folguedos, manifestação que o fez criar anos depois, o Grupo Folclórico Congos de Guerra, conhecido no Brasil e no exterior, que teve inspiração na Revolução de 1930, denominada Constitucionalista. Lúcido, Mestre Tião ainda reside na comunidade rural de Taboão, a dois quilômetros do centro da cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores