EM JOÃO CÂMARA/RN: Interdição da BR 406 durou mais de oito horas


A interdição da BR 406 por integrantes do MST de áreas de assentamentos de João Câmara, foi um dos mais longos e durou pouco mais de oito horas provocando uma gigantesca fila de carros e carretas as margens da referida BR nos dois sentidos.

A liberação só ocorreu depois que os líderes do movimento tiveram uma conversa com representantes do Instituto Nacional de Colonização e Reformar Agrária – Incra para terem suas reivindicações atendidas.
Desta vez o protesto foi marcado por um incidente, com o motorista de um veículo Fiesta tendo tentado furar o bloqueio e atropelado uma criança, gerando um clima de revolta entre os manifestantes  que apedrejaram o veículo e por muito pouco o motorista não foi linchado.
O protesto reuniu cerca de 300 trabalhadores rurais de áreas assentadas. Uma equipe do movimento foi designada para conversar com representantes do Incra, da Promotoria, Juiz e prefeito da cidade. Só por volta da 14h50 a BR foi liberada.

ASSIS SILVA

Comentários