Governo do Estado pretende sanear 80% do RN e 100% de Natal até 2014

Convênio de R$ 504 milhões foi assinado nesta sexta-feira (1).
Serão investidos R$ 504 mi em abastecimento d'água e tratamento de esgoto.

Governadora, prefeito e ministro das Cidades assinaram convênio para execução das obras em Natal (Foto: Marco Polo)Governadora, prefeito e ministro das Cidades assinaram convênio nesta sexta, dia 1º (Foto: Marco Polo)
A governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini e o ministro das Cidades, Aguinaldo Veloso, assinaram na última sexta-feira (1) um convênio no valor de R$ 504 milhões que serão investidos em projetos de saneamento básico no Estado. O convênio faz parte das obras do plano de ação Sanear RN, lançado oficialmente em junho passado, com um investimento de aproximadamente R$ 1,4 bilhão em obras de saneamento em 18 cidades potiguares. Com esse investimento o governo pretende sanear 80% do RN e 100% de Natal até 2014. O ato de assinatura foi realizado na Escola de Governo Cardeal Dom Eugênio de Araújo Sales, no Centro Administrativo do Estado.  disponibilidade em sanear 80% do RN até 2014, e 100% de Natal

Os R$ 504 milhões darão mobilidade para que sejam executados 817 km de redes coletoras de esgotos, 36,8 km de emissários de recalque e mais 108.234 novas ligações de esgotos aos imóveis da cidade. Todo o esgoto coletado receberá tratamento adequado nas Estações de Tratamento de Esgotos ETE Jaguaribe e ETE Guararapes.
De acordo com o diretor presidente da Caern, Yuri Tarso, o recurso permitirá a execução do maior plano de esgotamento sanitário e fornecimento de água do país, universalizando o saneamento básico para todas as regiões da capital potiguar, culminando com a melhoria nas áreas da saúde, turismo e meio ambiente. Para dimensionar a importância da ação, apenas para a zona Norte serão destinados R$ 293,7 milhões, e R$ 210,2 milhões para as zonas Sul, Leste e Oeste de Natal.
Rosalba Ciarlini enfatizou o equilíbrio financeiro por qual passa a Caern, e a qualidade dos projetos técnicos apresentados ao Ministério da Cidade. A Governadora ainda citou a situação encontrada na empresa no início de 2011. “A situação era de total descrédito. Muitos falavam que o caminho era a privatização, mas não poderíamos fazer isso com uma empresa que foi construída pelo nosso povo, com o nosso esforço. Então, tivemos que sair da inadimplência e da inércia das ações para que tivéssemos condições de assumir uma obra grandiosa como a que será feita com os recursos do convênio, bem como executar o plano de ações Sanear RN”, falou.
O ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, comentou que as obras de saneamento básico que serão desenvolvidas no Rio Grande do Norte são apenas o início das ações planejadas para o Estado. “Nossa parceria com o Governo do RN está apenas no início. Temos muitas outras ações a serem desenvolvidas aqui”, adiantou, falando sobre a iniciativa corajosa da Governadora Rosalba Ciarlini em investir recursos substanciais em obras pouco lembradas por gestores estaduais.

PORTAL G1

Comentários